5 indicadores de comunicação interna para sua empresa

5 indicadores de comunicação interna para sua empresa

Compartilhe:

A adequada comunicação interna empresarial é essencial em qualquer negócio. Além de garantir o alinhamento dos profissionais e equipes, reduz o número de erros, aumenta a produtividade e contribui para a melhoria da qualidade de vida no trabalho.

Há, no entanto, que se considerar o acompanhamento dos indicadores relacionados ao diálogo dentro da empresa. Assim, de modo consistente, será possível saber se está tudo saindo de modo adequado ou se há necessidade de ajustes.

Reunimos uma série de informações sobre o assunto especialmente para você. No artigo de hoje, vai conhecer os principais indicadores de comunicação interna, bem como acompanhá-los dentro da empresa. Continue a leitura!

1. Percentual de retrabalho

Um dos principais indicadores de que a comunicação não está fluindo é o retrabalho. Quando uma das partes não entende o que deve ser feito, realiza um trabalho de pouca qualidade ou sem nenhuma ligação com o que realmente deveria ser realizado.

Retrabalho (em %) = produtos retrabalhados / total de produtos-serviços produzidos

Imagine que um e-commerce realizou o serviço de envio de 500 produtos em um único mês. Destes, 12 voltaram pois não tinham o produto devido ou apresentavam alguma avaria. Ao aplicar o cálculo citado, o retrabalho é de 2,4%.

2. Índice de produtividade

Por outro lado, quando uma empresa ou equipe é produtiva, é sinal de que todos estão se comunicando e entregando os resultados adequados. Por esse motivo, o percentual de produtividade é um ótimo indicador para mensurar. Confira como:

Produtividade = produtos ou serviços gerados / recursos utilizados

Agora, imagine que uma empresa atende 134 clientes (serviço gerado) ao longo de todo o expediente de trabalho, isto é, 8 horas diárias (recursos utilizados). Ao aplicar o cálculo, o índice de produtividade será de 16,75 clientes-hora.

3. Número de conflitos internos

Uma importante métrica é o número de conflitos que ocorrem na empresa. Avalie quantos problemas aconteceram nos últimos 6 meses, se esse valor está de acordo com o esperado pelo RH e se é compatível com outras unidades de negócio.

Em seguida, é o momento de realizar uma análise mais profunda. Em quais setores ocorre um maior número de conflitos, quais são as principais causas e qual o tempo médio de duração. Assim, poderá agir corretivamente e otimizar o diálogo.

4. Nível de satisfação dos clientes finais

A qualidade da comunicação interna reflete na satisfação dos clientes finais, então é preciso usar o método de medição Net Promoter Score (NPS). Tudo começa com uma única pergunta, chamada de “a pergunta definitiva”:

  • em uma escala de 0 a 10, o quanto recomendaria nossa empresa para um amigo ou familiar?

Com as respostas obtidas, é possível classificar os clientes como promotores (9–10), são leais e satisfeitos com a empresa; neutros (7–8) e detratores (0–6), tiveram algum problema que resultou em uma má experiência de compra.

5. Nível de satisfação dos empregados

É preciso pensar, também, na satisfação dos colaboradores. Como a comunicação tem impacto na qualidade de vida, é comum que todos os integrantes do time fiquem mais satisfeitos. É possível utilizar uma ramificação do NPS, chamada de E-NPS (Employer Net Promoter Score). Use a pergunta:

  • em uma escala de 0 a 10, o quanto recomendaria nossa empresa como um bom lugar para trabalhar?

Do mesmo modo, será possível identificar funcionários promotores (9–10), que são leais à empresa; neutros (7–8) e detratores da marca (0–6), que estão verdadeiramente satisfeitos. Quando há uma boa comunicação, é comum que a maioria dos funcionários sejam promotores.

Esses são alguns dos principais indicadores, então não deixe de mensurá-los!

É necessário, no entanto, contar com uma plataforma que facilite a organização das tarefas e o diálogo de todo o time de trabalho. Dessa maneira, todos poderão atuar com maior alinhamento e garantir o alcance de melhores resultados organizacionais.

Agora entende os indicadores de comunicação interna, certo? Aproveite entender mais sobre a importância da comunicação entre equipes de trabalho, acesse nosso post. Vamos lá!

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *